23 janeiro 2008

0030 - Mapas antigos 1



Excerto do mapa de Portugal de João S. Carpiretti, de 1759-69. Este excerto mostra a região de Fornos de Algodres, mas apresenta algumas incongruências. Repare-se que entre Celorico e "Trancozo" aparece uma povoação designada por "Taboa", mais ou menos na zona onde deveria estar Fornos. Por outro lado, uma povoação designada por "Anfias" surge um pouco mais a norte, já associada ao vale do Távora. Será Infias deslocada. Reparem que o Carapito também está lá muito acima, assim como Penaverde, já junto a Marialva. E que "Taboa" será esta?

Apesar de estarmos já na segunda metade do século XVIII e a engenharia fazer maravilhas na reconstrução da Lisboa pós-terramoto, a cartografia do país continuava muito presa às representações mais antigas, de que darei exemplo nos posts seguintes.

3 comentários:

Nuno Soares disse...

Muito interessante. E dá que pensar... Pelos vistos, nessa época, com a ajuda de mapas, era mais fácil ir à Índia que a Fornos de Algodres!

Fernando disse...

É interessante ver como o rio servia de ponto de ancoragem para tudo o resto.
Bom trabalho

al cardoso disse...

Ainda gostava de saber onde e que esse italiano foi buscar a informacao, olhe que ate Penalva fica a sul de Tavares!!!
Agora Taboa em lugar de Fornos essa e grande. Se tem o mapa completo, se calhar ainda vai encontrar Fornos ou Algodres no Alentejo!

De qualquer maneira nao deixa de ser interessante.

Um abraco d'algodrense.