16 novembro 2007

0008 - Patrimónios da Semana 001 (Algodres)


Medidas medievais de Algodres.
Na fachada da Igreja Matriz de Algodres, na coluna da esquerda, estão gravadas duas ranhuras, as quais correspondem a padrões de medida de comprimento medievais. Numa época em que a padronização das medidas era muito heterógenea, variando de região para região e, por vezes, dentro da mesma região, esta era uma solução adoptada para "afinar" os instrumentos de medida (neste caso de comprimento). Para isso utilizavam-se os edifícios públicos, como as fachadas das igrejas ou entradas dos castelos (como acontece, por exemplo, em Monsaraz).

6 comentários:

al cardoso disse...

Muitos de nos, desconheciamos estas gravacoes e para o que serviam!

Alexandre Lote disse...

Parabens pelo blog!
Será de facto um sitio importante para recolher informação sobre o nosso concelho.

Já linkei o vosso blog em www.opinarparavancar.blogspot.com.

Respeitosos cumprimentos, Alexandre Lote

Carlos de Matos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Carlos de Matos disse...

Caras Terras de Algodres

obrigado por divulgar esses pontos da pequena historia que fazem a grande. Gostaria exactemente de saber a que medida de comprimento correspondem essa gravação ?

Aqui ficam se me permitem dois links sobre o assunto do qual destaco o blog de Luis Bernardo sobre a ciência.

Oholoscopio - A uniformização dos sistemas de pesos e medidas http://oholoscopio.blogspot.com/2007/09/uniformizao-dos-sistemas-de-pesos-e.html

Medidas extremas - Conheça a fascinante história das medidas, que acompanham o homem desde o tempo das cavernas. http://super.abril.com.br/superarquivo/2003/conteudo_121227.shtml

Tentarei seguir e comentar esse trabalho valisoso que iniciaram nesse novo espaço.

Mas uma vez Parabens

Carlos de Matos

Nuno Soares disse...

Caro Carlos de Matos,
No portal da Igreja Matriz de Algodres estão gravadas as medidas de comprimento denominadas "Vara" e "Côvado", que aqui tinham, respectivamente, c. de 109,5 cm e 66 cm.
Cordiais saudações,

Carlos de Matos disse...

Obrigado Nuno Soares,

por ter completado o seu excelente focus sobre essas gravações existentes em Algôdres.
Desconhecia por completo o antigo sistema metrico português e penso que faz parte de um conhecimento importante para interpretar certos monumentos ou historias locais...
Os pesos e as medidas sempre fizeram parte desde a origem da vida de todas as comunidades humanas.

Permito-me completar seu artigo faço aqui um link sobre um estudo de C. Sarmento da Universidade do Minho entre outros pontos, do Padrão das Teigas, ele mesmo encostado a igreja de São Miguel em Guimarães.

http://www.csarmento.uminho.pt/docs/sms/exposicoes/Cat%C3%A1logoSistemaM%C3%A9trico.pdf

Sobretudo as paginas 32 e 33 que detalhem as antigas medidas em Portugal e suas equivalências.

Prazer em contribuir na sua acção de vulgarização.

Abraço amigo

Carlos de Matos